Voluntariado

Esta tag está associada a 12 posts

Conheça e acompanhe o Mundial da Educação!


 mapa da educação brasil

Olá pessoal! É com alegria que compartilhamos notícia sobre o Mundial da Educação, muito importante para novas iniciativas pelo Brasil! Acompanhe um resumo da notícia, publicada no site do Faça Parte e Centro de Voluntariado São Paulo.

Mundial da Educação lança mapa colaborativo de atividades educativas

Lançamos esta semana o mapa do movimento Mundial da Educação.

A plataforma aberta vai agregar intervenções e ações educativas realizadas nas cidades-sede da Copa do Mundo durante todo ano de 2014.

A proposta é que o mapa sirva como um grande repertório de atividades que podem ser desenvolvidas nos espaços da cidade. Além disso, a ferramenta foi pensada para facilitar o intercâmbio de informações, de forma a estimular a replicação de iniciativas em diversos lugares.

Qualquer pessoa, escola ou organização pode inserir sua atividade educativa. Basta fazer o login através do Facebook ou do Google. A partir disso, seleciona-se o local da atividade e um formulário aparece na tela, para que sejam compartilhadas as informações a respeito da ação. As atividades cadastradas no mapa do Mundial da Educação também serão comunicadas através dos canais Catraca Livre, com mais de 6 milhões de acessos únicos mensais.

Para estimular a realização dessas intervenções, o Mundial da Educação lança mensalmente convocação temáticas com dicas e sugestões de atividades que podem ser realizadas nos espaços das cidades.

O material da primeira convocação, sobre uso das praças, foi baixado mais de 70 vezes.

A segunda convocação, com o tema futebol, foi lançada esta semana e pode ser conferida aqui: http://bit.ly/convocacaofutebol

Siga o Mundial nas redes sociais:

Homepage | Facebook | Instagram

Mundial da Educação | Junho.2014

Para falar com a gente, escreva para: 
ola@mundialdaeducacao.org.br

As 12 tendências da educação brasileira até 2017


educacao1

Fonte: site Porvir

Laboratórios móveis, redes, inteligências colaborativas, geolocalização, aprendizado baseado em jogos, conteúdo aberto. Achou essa lista futurista demais para ser usado em escala nas escolas do Brasil, públicas e privadas? Talvez ela não seja tão inalcançável assim. O sistema Firjan reuniu um grupo de 30 especialistas para analisar o estado do uso da tecnologia em práticas no país e fez prognósticos sobre quais ferramentas já estarão sendo usadas em escala em um horizonte de até cinco anos.
O estudo “As Perspectivas Tecnológicas para o Ensino Fundamental e Médio Brasileiro de 2012 a 2017: Uma Análise Regional do NMC Report” identifica 12 tecnologias emergentes que têm potencial para impactar o ensino, além das dez principais tendências e os dez maiores desafios da educação brasileira.
Entre as 12 tecnologias apresentadas, quatro foram apontadas entre as que devem começar a fazer parte massivamente das salas de aula em menos de um ano: ambientes colaborativos, aprendizagem baseada em jogos e os dispositivos móveis representados por celulares e tablets; outras quatro estavam entre as que devem começar a ter seu uso mais frequente em dois ou três anos: redes, geolocalização, aplicativos móveis e conteúdo aberto; e mais quatro foram podem ser esperadas em um período de quatro ou cinco anos: inteligência coletiva, laboratórios móveis, ambiente pessoal de aprendizagem e aplicações semânticas.
Feito pela primeira vez no Brasil, o estudo insere um capítulo regional ao já tradicional Horizon Report, que anualmente faz previsões sobre o uso da tecnologia no universo educacional. O panorama global permitiu também comparações entre o contexto brasileiro e o internacional. Bruno Gomes, assessor de tecnologias educacionais do Sistema Firjan e participante tanto da pesquisa global quanto da nacional, ressalta alguns pontos em que nós nos distanciamos muito do mundo. “No Brasil, a gente já consegue ver o hardware, as coisas físicas em sala de aula, como o celular e o tablet. Mas falta a internet, então tudo que é feito na nuvem ou depende de uma rede boa e estabilizada vem depois”, diz.
Por isso, enquanto nos países ibero-americanos e na pesquisa global a computação em nuvem é uma realidade esperada em um ano, os especialistas brasileiros nem sequer apostaram nela para um panorama de até cinco anos. “Outra curiosidade é que, conteúdo livre, que já está acontecendo no mundo, ainda não vai acontecer no Brasil neste ano. O brasileiro ainda é apegado à autoria”, acrescenta Gomes.
Apesar das diferenças, alguns pontos são comuns em todas as partes do mundo, principalmente no que diz respeito aos desafios encontrados. “Formação de professores é um problema para o mundo”, ressalta Gomes. No relatório divulgado durante o evento Conecta 2012, que terminou hoje, os especialistas destacam também outra relevante coincidência entre o que esperam ver no Brasil e o que está posto no mundo. “Os 30 membros do conselho deste projeto concordaram com o conselho global em relação à tendência mais importante. Eles perceberam as portas se abrindo nas escolas de educação básica no Brasil para modelos de aprendizado híbrido e colaborativo”, afirmam os autores do relatório.

 

Alavanca Social em ação na Fesp-SP – Curso de Mediação Cultural


 FAÇA JÁ A SUA INSCRIÇÃO E NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

A Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo – FESP-SP, convida a todos para participarem do curso “CAPACITAÇÃO TÉCNICA DO MEDIADOR CULTURAL COMO DESENVOLVER AÇÕES E CAPTAR RECURSOS”.

No curso, busca-se oferecer conceitos, cases, estruturas de projetos e espaços de criação que atendem às essas perguntas, com o objetivo de preparar mais pessoas para entrarem nesse movimento de melhoria econômica e de busca de maior participação política e artística, além de formas de planejamento e captação de recursos.

O curso acontecerá em diversos módulos e caberá à Alavanca Social, ministrar aquele que tratará da Captação de Recursos.

Contamos com a sua presença! Vejam à seguir a chamada oficial da Fesp-SP.

FAÇA JÁ A SUA INSCRIÇÃO E NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

Para informações mais detalhadas acesse: http://www.fespsp.org.br/extensao/artc_bibci_mediadorcultural.html

Descumprimento do conteúdo escolar


Os estados da Região Nordeste apresentam os piores porcentuais de cumprimento do currículo acadêmico. No Rio Grande do Norte, Alagoas, Ceará e Maranhão, quase 30% dos docentes não conseguem cumprir nem a metade do currículo proposto. Em algumas escolas brasileiras, o aluno é promovido de série sem que tenha tido acesso a todo o conteúdo previsto. Os dados foram tabulados pelo jornal O Estado de S. Paulo a partir do questionário da Prova Brasil 2009, respondido por 216.495 docentes de instituições públicas de todo o País que dão aulas para alunos do 5º e 9º ano do ensino fundamental, público-alvo da avaliação. O questionário mostra que 75% dos professores desenvolvem menos de 80% do que deveria ser trabalhado no ano.

Fonte: O Estado de S. Paulo

Curso de Extensão na Fesp – Terceiro Setor – Horário Noturno


                      

Dentro da parceria da Alavanca Social com a Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, estabeleceu-se a possibilidade na formação de turmas durante os dias normais da semana, em horário noturno.

O curso que inaugurará este sistema é: “A Profissionalização como fator de importância em Organizações”

Vejam a seguir a programação que estará no ar em breve no site da Fesp-SP:

Dias: 18, 20 e 22/06/12

Horário: 19:00 às 22:30

Plano de Curso

NOME 
A profissionalização como fator de importância em organizações do 3º setor (em parceria com a Fesp-SP)
OBJETIVOSOferecer informações para a conscientização dos participantes na importância de estarem se preparando para um contexto profissional na área do 3º setor.

  • Demonstrar a importância do planejamento interno para o sucesso externo.
  • Conhecer as principais áreas de ação dentro de uma Organização Sem Fins Lucrativos.
  • Mostrar diferenças na Gestão e condução das atividades em Organizações existentes e atuantes no setor, bem como a necessidade de se prepararem de forma mais estruturada para suas tarefas.
PÚBLICO ALVOGestores, Profissionais do 3º Setor e Colaboradores de Organizações do 3º Setor
CARGA HORÁRIA12 horas
MÉTODO Através de diálogos interativos, apresentações audiovisuais e Cases de Sucesso
PROGRAMAÇÃO

  •  Introdução ao 3º Setor – Visão Global do 3º setor no Brasil e no mundo.
  • Gestão Eficaz – Visão sistêmica das áreas de Gestão no Brasil.
  • Cases de Sucesso – Demonstração de Cases de Organizações Eficientes
  • Outras áreas de Atuação – O conhecimento, a informação e o treinamento proporcionando a renovação de conceitos.
  • Participação da Sociedade – A sociedade e seu papel fundamental para a mudança de conceito.

Acesse http://www.fespsp.org.br/extensao/fespextensao/Pages/Inscricao.aspx e inscreva-se!

Para mais detalhes acesse: http://www.fespsp.org.br/extensao/socpol_terceiro.html

Follow Instituto Sabedoria on WordPress.com

Digite seu e-mail e receba em primeira mão todos os assuntos postados em nossa página!

Junte-se a 77 outros seguidores

OPORTUNIDADE INCRÍVEL! JIVOCHAT: A SOLUÇÃO PARA ATRAIR CLIENTES E PARCEIROS

RENDA EXTRA AFILIADOS JIVOCHAT

Sistema PagSeguro

Sobre o Site

Este site é dedicado a oferecer informações e opções de ensino através das modalidades "Cursos Livres de Curta Duração, Cursos de Extensão e In Company e tem como principal objetivo capacitar a todos os envolvidos.

Páginas

%d blogueiros gostam disto: